Agricultores participam de dia de campo sobre o cacau em Arauá | Agricultores participam de dia de campo sobre o cacau em Arauá – Emdagro

30 de novembro de 2022 11:40

Agricultores participam de dia de campo sobre o cacau em Arauá


Cultivo tem ganhado novos adeptos na região citrícola


Técnicos e agricultores familiares participaram, no último dia 23, em Arauá, de um Dia de Campo sobre a cultura do Cacau. O evento aconteceu na propriedade do produtor rural Manoel da Conceição Nogueira Santos, localizada na Comunidade Sucupira, naquele município do centro sul sergipano. Os participantes acompanharam toda a evolução do cultivo na propriedade, que é uma unidade de demonstração da cultura na região e possui mais de dois mil pés de cacau, implantados com o apoio da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro). Além de técnicos dos escritórios da Emdagro na região, esteve presente no evento o diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural, Antônio Reis.

Pioneiro no cultivo da cultura na região, Manoel da Conceição começou a atividade em 2012. Preocupado com os baixos rendimentos com a citricultura, buscou na lavoura de cacau a diversificação de renda da propriedade. Desde então tem recebido visitas e intercâmbios, visando demonstrar a viabilidade do cacau como alternativa ao citros. “Recebo com muito prazer a visita de outros agricultores, porque o conhecimento não pode ficar só para a gente e esse trabalho aqui na minha propriedade começou há 10 anos, quando a Emdagro me procurou oferecendo algumas mudas para fazer uns testes e fiquei apaixonado pelo cacau”, disse o anfitrião.

Para Antônio Reis, os dias de campo promovidos pela empresa tem o objetivo de compartilhar experiências e tecnologias entre agricultores. “O cacau em Sergipe é uma cultura nova. Por isso, estamos trazendo agricultores de outras regiões para conhecerem várias fases dessa cultura: as que já estão produzindo, outras mais novas, outras com idades médias e, assim, garantir a troca de experiência e a integração dos agricultores. Isso termina gerando novas demandas para a Emdagro levar importantes orientações ao homem do campo”, disse.

Implantando pela primeira vez uma unidade de demonstração do cultivo do cacau em sua propriedade, o agricultor Etio Souza Rodrigues, do Assentamento Vitória da União, município de Santa Luzia do Itanhy, participa do dia de campo na expectativa de obter orientações que o auxilie na condução da cultura. “Estamos iniciando um plantio com o cultivo de 200 pés de cacau doados pela Emdagro, numa área experimental conduzida por ela, e esse dia de campo representa um incentivo para que a gente possa se firmar e acreditar que o cacau vai dar certo”, apostou.

O agricultor acompanhou atentamente todas as estações do dia de campo e se surpreendeu com a forma que o produtor Manoel vem desenvolvendo seu cultivo. “Esse dia de hoje representa um incentivo para a gente que está iniciando o trabalho com o cacau. A gente viu aqui cacau novo, com um ano, produzindo, a forma de poda, o secador, as amêndoas torradas e a degustação com o mel do cacau. O dia de hoje foi excelente!”, reforçou Etio.

O Dia de Campo contou com as presenças dos chefes dos escritórios Regional e Locais da Emdagro, a exemplo do Luiz Fernandes (Regional), Luiz Menezes (Arauá), Daniel  Barreto (Indiaroba), Ricardo Romero (Umbaúba), Auro Andrade(Lagarto), do Assessor de Agricultura Luiz Carlos Nunes, do Coordenador de Agricultura Sustentável Eduardo Cabral, Assessor de Programas e Projetos Godofredo Albuquerque, os técnicos de campo Elizaldo, Valbério.