Campanha contra febre aftosa em Sergipe entra na reta final

Produtores têm até o dia 30 de novembro para adquirir sua vacina

 

A campanha de vacinação contra a febre aftosa em Sergipe está chegando à sua reta final, e pecuaristas têm agora a última oportunidade para imunizar seus rebanhos. A mobilização, que teve início no dia 1º de novembro, está programada para encerrar no dia 30 deste mês. A segunda etapa da campanha concentra-se na imunização de animais de zero a 24 meses. O estado conta com um plantel de pouco mais de 450 mil animais nessa faixa etária.

 

Com o compromisso de manter a excelência na sanidade animal, os produtores de gado e bubalinos têm respondido positivamente à campanha, que busca não apenas proteger os animais, mas também consolidar Sergipe como uma área livre de febre aftosa sem vacinação no futuro próximo. A conquista do status de área livre de febre aftosa sem vacinação traz inúmeros benefícios para o estado, desde a valorização da produção local até a projeção internacional da qualidade da carne sergipana.

 

É importante ressaltar que o descumprimento da campanha de vacinação e declaração do rebanho acarreta em penalidades. O não cumprimento das obrigações estabelecidas pode resultar em multas e outras sanções previstas em legislação vigente. A regularidade na participação dos pecuaristas é fundamental não apenas para a saúde dos animais, mas também para evitar complicações legais.

 

Na primeira etapa da campanha, realizada em maio deste ano, o estado alcançou a expressiva marca de imunizar 94,36% do rebanho, totalizando mais de 1,1 milhão de bovinos e bubalinos de todas as faixas etárias. Esse sucesso inicial é um reflexo do comprometimento dos pecuaristas com a saúde dos animais e a qualidade da produção agropecuária sergipana.

 

Além da vacinação, é fundamental que os produtores realizem a declaração do rebanho na Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro). O prazo para a declaração vai até o dia 15 de dezembro, e o produtor poderá declarar presencialmemte nos escritórios da Emdagro do seu município ou também através do site da empresa em www.emdagro.se.gov.br, ou pelo WathsApp em 79 9 9191-4341 (através do envio do formulário preenchido e assinado junto com cópia do documento de identificação do proprietário dos animais para o e-mail codea@emdagro.se.gov.br ou para o wathsapp 79 9 9191-4341).

 

A Diretora de Defesa Animal e Vegetal da Emdagro, Aparecida Andrade, destaca a importância da participação ativa dos pecuaristas nesta reta final da campanha: “Estamos prestes a concluir mais uma etapa crucial para a sanidade animal em Sergipe. Contamos com a colaboração de todos os produtores para atingirmos nossas metas e consolidarmos o estado como uma referência na produção pecuária livre de febre aftosa”.

 

Os pecuaristas têm, agora, a última chance de contribuir para o sucesso dessa campanha. A proteção do rebanho é a chave para o desenvolvimento sustentável do setor agropecuário em Sergipe, e cada vacina aplicada representa um passo em direção a um futuro livre de febre aftosa sem vacinação no estado.

 

Com a reta final da campanha em andamento, Sergipe reforça seu compromisso com a excelência na produção agropecuária e demonstra que a parceria entre produtores, órgãos governamentais e a sociedade é fundamental para alcançar os objetivos almejados.

Parceiros:

Última atualização: 5 de dezembro de 2023 11:21.